Game a Week – Week 09

Leia em Português aqui!

FPPP: First Person Ping Pong – Click here to play on browser

Semana09Controls:
-WASD: walk
-Left mouse button: shoots only one ball, that can be picked up again from the ground
-Right mouse button: return the balls that the oponents shoot
-Esc: reset

The ideia – I had the idea to make a first person ping pong for PewDiePie’s game jam, with lots of explosions and stuff. But I didn’t made any game for that jam and really liked the idea, so I decided to build it this week.

What went right – I didn’t care about doing a well done code from the start. I prioritized making an ugly code that worked, and to only improve it if I had some spare time at the end. This streamlined the development a lot.

What went wrong – not much time during the week and I didn’t managed it very well, doing most of the work Sunday. There’s no explosions, neither any GUI pointing the ammo, or the HP, or the game over screen, even that these conditions are present in the game ald should be comunicated to the player. The contact area with the ground to pick up the ball is too small, making this task more dificult than it should. I also don’t think the base mechanic is very fun.

What I learned – that prototype code doesn’t need to be pretty and neither well done. It have to work well enough to test if the idea is fun. Making good code for prototype is to waste precious time.

Um Jogo Por Semana – Semana 07

Read in English here!

Labirinto 3D!Jogue no browser

PrintControles
Setas: andar e girar

A ideia – Eu me baseei numa memória da minha infância: eu sempre amei o protetor de tela 3D Maze do Windows 95/97. Contudo, eu sempre quis poder controlar o que estava acontecendo na tela, e não apenas assistir. Era gritante para mim a necessidade de uma versão jogável, portanto foi isso o que eu decidi fazer! Um clone jogável.

O que deu certo – Fiquei surpreso de como o resultado ficou bom apesar de ter gasto cerca de 2 à 3 horas no desenvolvimento propriamente dito. Está bem simples e cru, mas eu achei que ficou divertido de jogar, e agora estou com muita vontade de revisitar esta ideia futuramente.

O que deu errado – Ter travado tentando desenvolver uma feature que não era vital para o produto, e que não foi incluída na versão final (flip de câmera). Ter deixado a maior parte do desenvolvimento para domingo de noite mais uma vez. E queria ter populado o labirinto com criaturas pixeladas não-interativas, a fim de facilitar que o jogador se localizasse dentro do labirinto usando-as como referência.

O que eu aprendi – Jogos mais simples funcionam melhor para o formato de um jogo por semana, e que devo separar as tarefas a serem realizadas por ordem de prioridade.

 

Game a Week – Week 07

Leia em Português aqui!

3D Labyrinth!Play on browser

PrintControls
Arrows: walk and turn.

The ideia – I used as base a memorie that I have from my childhood: I always loved the 3D Maze screensaver from Windows 95/97.However, I also wanted to control what was happening on the screen. To me it was like if it was screaming to be playable, so that’s what I did! A playable clone.

What went right – I’m surprised with the results, it’s kind of good despite the fact that I only spent 2 or 3 hours with the actual development. It is simple and rough, but I think it’s fun to play, and I really feel like trying to do something else with this idea someday.

What went wrong – I got a mini-block and lost a lot of time with the development of a feature that didn’t make it to the final version (it was camera flip). And I also left most of the development to Sunday night again and it’s kind of meh. I wanted to populate the labyrinth with pixelated non-interactive creatures, so it would be easier to the player not get lost,.

What I learned – Simpler games work better with the game a week format, and that I have to start sorting tasks by priority.

 

Um Jogo Por Semana – Semana 01

Read it in English here!

Já faz um tempo que eu li o este artigo no Gamasutra e este outro também sobre o desafio Game a Week. Depois de uns dois meses sem participar de game jams e nem desenvolver nenhum jogo ou algo do gênero, senti que estava na hora dtentar isto.

Eu sempre achei extremamente divertido participar de game jams: o prazo apertado, os bugs e erros de programação pipocando de todos os lugares, o cansaço, a adrenalina do prazo final e a sensação de dever cumprido toda vez que eu dava a luz ao meu novo jogo. Feio, deformado e faltando pedaços, porém um jogo.

Contudo, desde que voltei de férias da faculdade, o tempo que tinha disponível durante a semana ficou muito mais apertado: estou agora estudando de manhã e trabalhando como estagiário de tarde.Tenho virado uma geleia preguiçosa nos fins de semana. Mas a coceirinha de fazer mais e mais jogos continuava lá.

E então resolvi sanduichar o Game a Week no meio da semana. Toda segunda feira irei postar aqui o resultado do meu trabalho, não importa o quão inacabado, feio e vergonhoso ele esteja. Prazo final todo domingo, 23:59, sem desculpas, sem prorrogações. Para descrever cada projeto irei pegar emprestado o modelo que a Adriel Wallick utiliza.

Sem mais enrolações, aqui está o primeiro:

BizoroLink de download (jogável em rede local – 2 jogadores)

bizoro

A ideia – A primeira ideia que tive foi baseada em lembranças de como eu achava divertido o multiplayer competitivo do Sonic 2 (e que ninguém gostava de jogar comigo). Me propus fazer um pequeno protótipo de plataformer competitivo em rede local, onde cada jogador teria de pular obstáculos, coletar upgrades e chegar na linha final. Usei este tutorial para pegar umas noções básicas de networking.

O que deu certo – Praticamente nada. Mesmo assim, foi legal conseguir fazer os jogos conectarem, fazer a interpolação de posições na mão e uma câmera que segue o jogador correto em cada máquina. E pelo menos terminei o primeiro, uhul!

O que deu errado – Praticamente tudo. O escopo do projeto era grande demais, ainda mais considerando que é o primeiro destes que estou fazendo. Não existe condição de vitória/derrota, os jogadores não podem pular, e o level é uma caixa fechada sem nada dentro. Sem contar que o resultado final ficou próximo demais do tutorial base. O meu tempo de desenvolvimento também foi pessimamente aproveitado.

O que aprendi – Um pouquinho de networking no Unity. Não mexi em nada de jogabilidade, mas foi legal enfrentar um desafio mais focado na parte técnica. Também percebi que é bom ter um pouco mais de bom senso ao escolher o tamanho do projeto da próxima semana.

Receiver

receiver

Hoje eu e minha namorada fizemos aniversário de 2 anos juntos. E ela me deu de presente junto com uma camiseta o jogo Receiver. Que jogo FODA! Uma desconstrução genial do gênero.
Today me and my girlfriend are celebrating 2 years of being together. And she gave me as gift a t-shirt and the game Receiver. What a DAMN good game! A genius desconstruction of the genre.

Incrível como este jogo consegue parecer original e fresco, principalmente quando a grande maioria dos FPSs de hoje em dia parecem todos ser o mesmo jogo e seguem as mesmas convenções.
Awesome how this game feels original and fresh, even when most of today’s FPSs looks like the same game and follow the same conventions.

Para você ter uma ideia, você tem controle quase total sobre cada uma das operações da arma. Enquanto recarregar uma arma num FPS normalmente é feito pelo botão “R”, em Receiver é feito por “E”, ” ‘ “, “Z”, “R” e “V”. E nas primeiras vezes eu derrubei várias vezes o carregador no chão ou ejetei munições que ainda não tinha sido utilizadas.
For example, you have almost full control of every gun operation. While usually reloading in a FPS means pressing “R”, in Receiver it is done by pressing “E”, ” ‘ “, “Z”, “R” and “V”. And at the first tries I’ve dropped the magazine on the floor and ejected unused bullets.

Recomendo para quem não tem medo de jogo difícil ou fora do convencional.
I recomend it for people who don’t have fear of a hard or unconventional game.

TAGjam11 Dia 1 – Day 1

Depois de algum tempo sem participar de nenhuma game jam nem nada, resolvi participar da TAG Jam 11! Já participei de outras edições dela, é a minha Jam favorita até agora. Dessa vez o Adrian Galassi está me ajudando com as músicas, e olhem aqui o trabalho dele! Muito foda, e estou adorando trabalhar com ele.

After some time without participating of any game jam, I decided to try TAG Jam 11! I’ve already made games for this jam in the past, and is my favorite to date. This time Adrian Galassi is helping me with the musics, and take a look at his work here! Awesome stuff, and I’m having fun working with him.

Algumas screenshots do progresso:

Some screenshots of the progress so far:

 

2Print1 Code01 Print1musica1